Dietoterapia chinesa

Dietoterapia-chinesaHá um ditado chinês que diz:“ é necessário tratar com alimento primeiro, para tratar com medicamento depois.” Este é o conceito da dietoterapia chinesa, técnica da medicina tradicional chinesa que trata a alimentação como uma forma de prevenir e combater doenças.

Baseada nos conceitos de Yin e Yang, a dietoterapia chinesa considera a energia presente nos alimentos, e não seu valor calórico e nutricional. Datada anteriormente ao século II A.C., a dietoterapia chinesa acredita que cada pessoa necessita avaliar sua necessidade alimentar de acordo com a energia Yin Yang que sobressai em seu corpo.

Além da energia, inúmeros fatores interferem na alimentação. A natureza, o sabor, os cinco elementos da natureza, a cor das iguarias e também o horário ideal ajudam a classificar as propriedades dietéticas de um alimento.

É necessário ressaltar que a dietoterapia chinesa depende de acordo com o indivíduo e, dessa forma, somente com o autoconhecimento e com um profissional você poderá avaliar quais comidas são indicadas para a formulação da sua dieta.

Classificação dos alimentos

A dietoterapia chinesa leva em conta inúmeros fatores para indicar o tipo de nutrição que cada indivíduo precisa. Veremos primeiro a natureza dos alimentos. Ela  é dividida em: quente, morno, neutro, fresco e frio. A natureza diz respeito à relação yin yang.

Pessoas com mais energia yin, que remete ao frio, devem consumir pratos mais quentes, assim como pessoas com energia yang (quente), precisam de pratos frios para manter o equilíbrio.

Excesso de energia Yin Excesso de energia Yang
alimentos mornos e quentes alimentos frios e frescos

Com relação ao sabor a dietoterapia chinesa é dividida em: azedo, amargo, doce, picante e salgado. Os gostos estão ligados aos principais órgãos e funções do corpo humanos. Desta forma, tanto o excesso quanto a falta prejudicam um órgão. Veremos a seguir quais são estes sabores e o que eles alteram quando estão em excedente.

Sabores azedos são adstringentes, ajudam a tratar o fígado, porém afetam negativamente o baço. Em muita quantidade, os azedos causam alteração nos músculos e nos lábios. Já os amargos eliminam o calor, auxilia no tratamento do coração, porém atrapalham o pulmão. Causam alteração na pele e pelos quando em excesso. Os paladares doces dão energia e ajudam a tratar o baço.

O sabor picante tem efeito dispersivo de energia, auxilia o pulmão, mas danifica o fígado. Quando em abundância, altera músculos e unhas. Por último, os tipos salgados amaciam, ajudam a tratar o rim e danificam o coração, mas alteram o sangue e a face.

Os cinco elementos presente na natureza metal, madeira, fogo, água e terra também fazem parte da classificação dos alimentos na dietoterapia chinesa. A classificação metal diz respeito a alimentos picantes. A de fogo, os amargos. Da energia da terra vem o doce. Da madeira, os mais azedos. E a classificação água refere-se aos sabores salgados.

Para ajudá-lo a entender melhor as propriedades dos alimentos, observe a tabela:

Sabor Órgão que auxilia Elemento Exemplos
Azedo Fígado Madeira limão, tomate, cebola
Amargo Coração Fogo Alface,soja
Doce Baço Terra Arroz,mel,batata
Picante Pulmão Metal Alho,canela, pimenta
Salgado aro Água Camarão, feijão,alga

Ademais, as  cores dos alimentos influem na dietoterapia. Iguarias de cor avermelhada revitalizam, como o tomate. As de cor amarela, como a manga, dão equilíbrio e estabilidade. Os alimentos verdes como alface e couve têm a função de desintoxicação. Já as comidas de coloração negra tem propriedades adstringentes. Mantimentos brancos, como o leite, purificam o indivíduo.

Regras básicas da dietoterapia chinesa 

Para os adeptos da dietoterapia, algumas regras básicas sobre alimentação devem ser seguidas. Sempre buscando manter o equilíbrio do corpo, é necessário misturar as cinco cores dos alimentos durante uma refeição. Além disso, a mistura dos cinco sabores também é bem vinda.

Uma refeição com várias cores e sabores cuidará de todos os órgãos e funções do corpo humano. Além do mais, a sugestão que até mesmo os não adeptos da dietoterapia deveriam seguir é: mastigar bem toda a comida e manter a mente livre durante as refeições.

A explicação chinesa para esta regra é simples: mastigando devagar, além de apreciar a iguaria, o organismo começa a quebrar a energia e fundí-la com o corpo.

Outro princípio a ser seguido é o cuidado com a temperatura dos alimentos. Beber líquidos de preferência mornos e optar por pratos quentes e cozidos, para uma digestão melhor. Nesse caso, há exceções: para tratar doenças de origem quente, pratos frios são indicados. Na verdade, em dias mais quentes, os pratos frios são essenciais. Reiterando a necessidade de equilíbrio do corpo humano, é indicado não comer, nem em excesso, nem em falta.

Dando continuidade às regras básicas da alimentação segundo a dietoterapia chinesa, a diversidade da nutrição de acordo com as estações é um ponto importante. Modificar sua dieta introduzindo alimentos da estação é uma forma de prevenir doenças relacionadas ao clima, além de manter uma diversidade de sabores ao longo do ano.

Um outro fator importante da dietoterapia chinesa diz respeito ao horário em que os pratos são ingeridos. A medicina chinesa acredita que a cada horário um órgão do corpo humano entra em seu ápice, quando a energia que circula nele é maior. Dessa forma, é necessário conhecer este relógio biológico e ajustar sua alimentação à ele.

Abaixo há uma tabela que contém o horário em que os órgãos estão em seu ápice de funcionamento.

01:00 ás 03:00 Fígado
03:00 ás 05:00 Pulmão
05:00 ás 07:00 Intestino grosso
07:00 ás 09:00 Estômago
09:00 ás 11:00 Baço
11:00 ás 13:00 Coração
13:00 ás 15:00 Intestino delgado
15:00 ás 17:00 Bexiga
17:00 ás 19:00 Rins
19:00 ás 21:00 Pericárdio
21:00 ás 23:00 Meridiano Triplo Aquecedor

Durante as 9 horas até as 11 horas da manhã, por exemplo, o baço está em seu ápice de funcionamento. Assim, alimentos doces da energia da terra são indicados para ingestão neste horário, como o mel e o milho. Um detalhe importante: durante o horário em que o meridiano triplo aquecedor está em funcionamento é o período indicado para que a pessoa durma.

Agora você já conhece alguns conceitos básicos da dietoterapia chinesa. Apesar de serem complicadas, algumas das regras básicas podem ser seguidas sem precisar radicalizar sua dieta.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *