o-qie-o-diabetico-pode-comer

O que o diabético pode comer?

o-qie-o-diabetico-pode-comer

É extremamente importante que o diabético saiba exatamente o que pode comer. A boa alimentação pode reduzir drasticamente os níveis do Diabetes Tipo 2.

O mais recomendado em qualquer caso, tanto de Diabetes Tipo 1 quanto Tipo 2 é que o portador tenha uma refeição rica em fibras, pois elas ajudam a manter os níveis de açúcar mais baixos no sangue.

Em contrapartida, todos os diabéticos devem evitar ao máximo alimentos que contenham muito açúcar ou gordura, já que elas se convertem em açúcar quando ingeridas.

Como deve ser a dieta de um diabético?

o-qie-o-diabetico-pode-comer

A dieta de um diabético vai depender de acordo com as necessidades físicas de cada um. Por isso, é importante sempre se consultar com um médico e um nutricionista antes de iniciar uma dieta.

Em geral, as dietas são compostas de legumes, frutas, cereais, carnes, carboidratos e alguns outros tipos de alimentos que citaremos a seguir.

Legumes são componentes essenciais da dieta. Dê sempre preferência para aqueles que possuem quantidades maiores de fibras, já que elas irão diminuir o açúcar presente no sangue.

As frutas também devem obrigatoriamente estar no cardápio, mas há algumas exceções. Falaremos disso mais para frente. É importante evitar frutas como o figo, o coco e a manga, assim como as frutas em conserva ou as que vêm em calda.

Cereais integrais também são essenciais para a dieta, principalmente por conterem um número elevado de fibras em suas composições. O milho deve ser evitado somente quando em conserva, ou no caso de pipocas de micro-ondas.

O diabético também deve consumir carne, mas sempre dando preferência para as carnes magras, principalmente a carne branca. A melhor opção seria comer carne de peixe, mas se não for possível, a carne de frango também entra na lista.

É importante sempre evitar alimentos embutidos, como presunto, apresuntado, peito de peru processado, salame, linguiça, salsicha, toucinho, mortadela, assim como evitar a carne de porco, já que por natureza ela é muito gordurosa.

O queijo também é bem vindo à dieta, mas é importante evitar queijos industrializados, como requeijão e cream cheese. Já a manteiga, o creme de leite e os queijos que possuem forte coloração amarela não devem ser consumidos de modo algum.

O diabético pode adoçar alimentos com Stévia, mas nunca deve utilizar açúcar, açúcar mascavo, mel ou qualquer tipo de derivado. É importante também evitar ao máximo os adoçantes que contenham aspartame na composição. Eles fazem muito mal à saúde!

Já quanto às bebidas, água e sucos naturais devem fazer parte da dieta, lembrando que ou o suco não deve ser adoçado, e caso seja, somente com Stévia. Jamais o diabético deve tomar sucos industrializados ou refrigerantes, que possuem uma quantidade extremamente alta de açúcar na composição.

Mesmo os diet devem ser evitados. O ideal mesmo é que entre somente água e sucos naturais na dieta.

Mesmo que algum determinado alimento esteja liberado na dieta, é importante que o diabético consuma sempre com parcimônia, sem exagerar na quantidade.

Os diabéticos podem consumir frutas?

o-qie-o-diabetico-pode-comer

Podem e devem. As frutas contêm alto teor de vitaminas, sais minerais e fibras que ajudam a manter o metabolismo regulado e a quantidade de açúcar no sangue em níveis baixos.

O açúcar presente nas frutas não é a glicose, e sim a frutose. Felizmente, esse açúcar tem uma absorção muito mais lenta pelo intestino, e por esse motivo as frutas devem ser consumidas com outros alimentos, e não isoladamente.

Por outro lado, quando a fruta é consumida em forma de suco, a concentração de frutose acaba sendo muito mais elevada, o que favorece a sua absorção pelo intestino.

Por esse motivo, é preferível que a fruta seja consumida in natura e não em sucos. E, claro, sem nunca exagerar na quantidade. O ideal é que sejam consumidas de duas a três porções diárias de frutas.

Ainda assim, algumas frutas como o coco e a manga não devem ser consumidos por quem é portador de Diabetes pela quantidade maior de açúcar que elas contêm. Além disso, são frutas altamente calóricas!

Maçã e abacate

o-qie-o-diabetico-pode-comer

A maçã é uma ótima pedida, pois além de ser rica em vitaminas e sais minerais, sua casca possui uma grande quantidade de fibras. Por esse motivo, evite comer a maçã sem casca.

Além disso, essa fruta é rica em pectina, uma substância que diminui o colesterol ruim do organismo e ainda diminui a quantidade de açúcar presente no sangue.

Pesquisas realizadas na Universidade de Harvard comprovaram que as pessoas que consumiam pelo menos uma maçã por dia tinham um risco quase de 25% menor de desenvolver o Diabetes tipo 2.

E isso não é tudo. Uma maçã por dia também pode reduzir em pouco mais de 40% o LDL! Não é à toa que existe um ditado em inglês que diz “An apple a day, keeps the doctor away” (Uma maçã por dia mantém o médico longe).

Já o abacate é uma excelente pedida, pois além de possuir um teor muito baixo de frutose, possui uma quantidade alta de gorduras monoinsaturadas, que ajudam o organismo a reduzir o LDL.

O abacate também faz com que os alimentos sejam processados de maneira mais lenta, e por causar uma sensação de saciedade, automaticamente faz com que o diabético coma menos durante uma refeição.

O único problema é que assim como a manga o abacate é muito calórico. Portanto, se você estiver precisando perder peso, o abacate deixa de ser a melhor opção. Nesse caso, valeria a pena comer mais frutas com vitamina C, como a laranja, a acerola e o limão, pois a vitamina produz a L-Carnitina, uma substância que pode ajudar você a perder peso.

É importante que você sempre busque consultar um médico antes de iniciar uma dieta, e evite sempre comer um alimento caso esteja na dúvida.

Além da dieta, uma rotina regrada com exercícios físicos pode fazer com que os sintomas diminuam bastante. Exercícios e boa alimentação estão sempre andando de mãos dadas. Aproveite essas dicas e comece agora mesmo a mudar a sua dieta!

Se esse artigo foi útil para você, deixe seu comentário e compartilhe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *